Total de visualizações de página

Translate

Google+ Followers

segunda-feira, 29 de novembro de 2010

DIRETO DAS MINAS GERAIS. BH E OURO PRETO

                                          Foto pela filha Poliana
   Minha filha vinha prestar um concurso aqui em BH neste domingo e como ela me convidou, resolvi aceitar a montamos a programação com o concurso dela no domingo e turismo na segunda, terça e retorno na quarta.   No fim de semana, já conseguimos fazer um pequeno tour por BH.    E hoje, segunda, fomos para Ouro Preto e mesmo sendo o dia de folga em que as igrejas históricas não abrem ao público, valeu a pena, pois ainda sobrou muita coisa para visitar.
     Ouro Preto, patrimônio da humanidade, declarado pela Unesco, é um museu a céu aberto.   Muitos casarões bem conservados.    Quando tiver uma folguinha e estiver menos cansado, vou abordar os detalhes da viagem, com fotos.   Achamos o local maravilhoso.    E haja pernas para subir ladeira, descer ladeira!!!!   

quinta-feira, 11 de novembro de 2010

DR. LAIR RIBEIRO, A PALESTRA E O PRESENTE EM CORNELIO


                      Crédito da foto: www.panoramio.com/photo/472576

    Vida de bancário tem essa de às vezes a gente ter que juntar a família e mudar de cidade, o que não é meu forte.   Eu diria que é quase genético meu jeito de ancorar num lugar e procurar crescer por lá mesmo, apesar de saber que não passo mais dos 1,70 metros.   Um belo dia, estávamos morando em Cornélio Procópio, onde permanecemos por um ano.   Foi um período meio desajeitado, pelo fato de que eu trabalhava em Santo Antonio da Platina, distante 90 km.de Cornélio, mas fomos morar nesta última porque uma das filhas passou no teste para cursar o nível médio no CEFET Centro Federal de Educação Tecnológica, onde ela cursou um ano e fez um punhado de amigos que permaneceram.    E eu também tenho alguns amigos que fizemos por lá.    Um belo dia, fico sabendo que o Dr.Lair Ribeiro, médico de renome, especialista em Neurolinguística, com uma pá de livros publicados, ia dar uma palestra no clube da cidade.    Tratamos de reservar nossos ingressos com boa antecedência e no dia marcado, estávamos lá no clube lotado.    Na entrada do palestrante, houve um aparato de som e luz no palco para receber o ilustre palestrante.
     Eu, como de costume, anotei a síntese da fala dele e coloquei no word e guardo com carinho e muitas vezes repasso aos amigos.   Para mim, o ponto alto da fala dele que eu guardo mais se referia ao perdão.   Ele disse que o perdão, além de ser algo essencial dentro da fé cristã, é também uma questão de inteligência. Perdoar de fato é tirar um fardo dos ombros e assim viver liberto, mais leve e feliz.   
     Ao final da palestra, a comunidade tinha um presente, uma lembrança para o doutor Lair.     Quando fizeram a entrega, eu tive a idéia de dizer aos da família que estavam ali presentes:   dentro desse pacote, só pode ter uma pequena estatueta do Cristo, réplica da estátua do Cristo que reina soberana no local mais alto da cidade, para todo mundo ver.    Eis que o homem abre o presente e não deu outra.   Uma bela estatueta do Cristo.    Rimos com o acontecido e voltamos para casa com a certeza de que o ensinamento do dia foi muito bom para nós todos.  Valeu a pena e valeu muito.    Seria o caso até de pegar logo um livro dele para dar uma lida, que deve ter muita coisa boa.     








           

sábado, 6 de novembro de 2010

PITANGUEIRAS - PARANÁ - A CIDADE DIGITAL

                                                                   foto: ***

     Antes de conhecer a jovem e dinâmica Pitangueiras, estudei com um cidadão daquela cidade, que ficou meu amigo.   Estudávamos na FECEA de Apucarana PR onde eu morava com a família e meu amigo Paulo Sergio, já funcionário da Prefeitura de Pitangueiras, fazia o curso de Administração em Comércio Exterior comigo, após ter feito na mesma faculdade o curso de Administração Pública.
     Eu sempre me interessei em assuntos da administração pública, porque acho que o poder público tem que prestar o melhor de si para os cidadãos.     E sempre conversava com meu amigo Paulo Sergio, que já tinha bagagem teórica e prática sobre o assunto e imagino hoje quanto mais de conhecimento ele adquiriu no ramo, já tendo feito até MBA.
     O meu trabalho acabou me levando algumas poucas vezes até Pitangueiras que fica perto de Rolândia, de Astorga, de Arapongas e mesmo de Maringá.   Cidade pequena, pacata e tudo em seu lugar.    Na zona rural, ainda tem bastante lavoura de café, cultura que foi no passado a semente que fez germinar a povoação que veio a ser Pitangueiras.   Consta que o município tem a maior produtividade de café por unidade de área no estado do Paraná.     Isto traz prosperidade ao povo do município.
     Fiquei sabendo que a prefeitura de Pitangueiras há tempos resolveu implantar um projeto inovador em termos de Paraná e, podemos dizer, até de Brasil.   Foi implantado um sistema bancado pelo poder público municipal, pelo qual a cidade tem o sistema wire less e assim todos têm acesso a internet sem fio na zona urbana em cem por cento da cidade.    Virou a Cidade Digital e não deixou por menos, colocando na rede mundial o seu site oficial do município, com direito a muitas informações sobre a cidade, no interesse da população.    Algo para servir de exemplo.
     Entrei no site de Pitangueiras e vi em destaque o IDH do município – o Índice de Desenvolvimento Humano.   Muito bom sinal, porque quem divulga o IDH é porque está preocupado de fato com sua população.   Basta ver que pouca gente toca nesse assunto e até foge dele na administração pública.   Ponto a mais para Pitangueiras.
     Tenho notícias de que Pitangueiras também conquistou o status de município livre do analfabetismo, o que tem que ser saudado e comemorado.
     Atualmente há verbas federais e mesmo estaduais para uma porção de finalidades e cabe aos municípios saberem o que querem de melhor aos seus cidadãos e elaborarem bons projetos.     Bons projetos dizem por si e são um grande passo para se conquistar verbas, às vezes até a fundo perdido.     Pitangueiras é craque nisso (show de bola, como diz o Luciano Hulk).      Por tudo isso e muito mais, sou fã da pacata, jovem e progressista Pitangueiras.       www.orlandolisboa.blogspot.com                                *** foto importada do site de Pitangueiras-PR