Total de visualizações de página

Translate

Google+ Followers

domingo, 16 de janeiro de 2011

VISITANDO O CADERNINHO DE ANOTAÇÕES

   Alguma vez eu devo ter falado no caderninho que tenho e que na verdade são vários.  Explico.  Gosto muito da leitura e tenho uma pá de livros.  São tantos que tive que catalogar no padrão para poder achá-los pelos códigos, os mesmos que são usados em biblioteca.   Ao invés de decorar todos os telefones, é melhor usar a Lista.    Em 94 comecei a fazer anotações num caderno espiral as partes que me chamavam mais a atenção nos livros que lia.   Ao iniciar nova leitura colocava os dados gerais da obra, data da leitura e tudo o mais.     De julho de 94 para cá são 116 livros lidos e anotados em seis volumes do caderninho.   Coisa minha.     O mais recente foi do livro da biografia da Clarice Lispector.    Um livro parrudo de mais de 600 páginas, mas de um conteúdo fantástico!   Qualquer dia volto a este livro.    Hoje, para ser "laite", leve, vou citar uma passagem que achei marcante no livro do português Miguel Torga, que chegou a morar no Brasil nos anos 20 a voltou para a Terrinha dele, se formou em medicina e além da profissão de médico, escrevia muito bem.   Dele eu li "Contos da Aldeia".    O nome dele é Alfredo de Castro, mas colocou o pseudônimo de Miguel Torga com o seguinte argumento:  Miguel em homenagem a Cervantes e Torga para se colocar mais "no chão", já que torga seria uma graminha simples de Portugal.  
     Então, vamos à citação que achei muito interessante:   "Mas a pátria é um íman...   Cada um em sua Pátria - seu ninho.   É que só nela (seu ninho) se exprimem correctamente, estão certos nos gestos, são realmente quem são"   
   (escrito em português de Portugal)


2 comentários:

  1. que orgulho desse meu pai...um dia vou anotar todos os livros que leio também....já fiz listas, mas perdi...e lista só por lista nao vale...
    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Realmente é um orgulho conheçer alguem com tantas qualidades assim!
    Orlando Parabéns pelos livros lidos e a cultura que adquiriu, principalmente por compartilhar conosco. E esta na hora de voce escrever seu proprio livro heim! rs

    ResponderExcluir