Total de visualizações de página

Translate

Google+ Followers

terça-feira, 27 de agosto de 2013

TURISMO EM NATAL - RN - CITY TOUR (II)




fonte das fotos:


    O nosso city tour não nos levou à parte central da cidade de Natal que data de 1599.   Nós fizemos uma visita ao centro histórico da cidade em outro dia, que será narrado em outro capítulo.     O que vimos no city tour então, saindo de Ponta Negra  (pedras negras na praia - arrecifes de corais), foram a Fortaleza dos Reis Magos (de 1596) - Patrimônio Histórico Nacional, o Rio Pirangi com sua moderna ponte estaiada, o maior cajueiro do mundo e uma visita ao Shopping do Artesanato regional.
     A Fortaleza dos Reis Magos é uma construção na areia da praia, onde esta recebe a foz do Rio Pirangi.   Tem paredes maciças de 14 metros de largura, feitas de pedras e é aberta à visitação.   Para quem gosta de história, é algo imperdível.   Tem os canhões na parte superior e na parte interna tem capela, dependências, celas, etc.     Para subir à parte onde ficam os canhões, há a escada do "Menos Um".   Consta que em caso de invasão, os soldados da guarda dos canhões ficavam de tocaia no topo da escada e de surpresa atacavam os invasores que estavam quase completando a subida da escala e estes despencavam num tombo fatal.   Menos um...
     PONTE ESTAIADA NO RIO POTENGI  -  O Rio Potengi seria o rio que tem caranguejos na linguagem indígena e o povo Potiguar (como se chama o povo do Rio Grande do Norte) seria o povo que come caranguejo, na linguagem indígena.      Muito perto da Fortaleza se avista a Ponte Estaiada bem moderna, que tem um vão em elevação para o meio, para permitir a passagem de navios pelo local.  Essa parte mais elevada (ao redor de 59 metros) é estaiada, ou seja, tem aqueles cabos de aço enormes que ajudam a dar sustentação aos blocos de concreto da ponte.    Um contraste interessante entre a fortaleza de 400  anos e a ponte de menos de dez anos.    A ponte tem uns 2.000 metros.
     O MAIOR CAJUEIRO -   Um só cajueiro, por uma anomalia genética, cresceu e ocupa uma área aproximada de 8.200 m2. e virou um parque ecológico, devidamente cercado, com portal, vigilância e passarelas para se caminhar por baixo da árvore.    Há também um mirante de madeira sendo que o turista subindo no mirante enxerga todo o cajueiro, seu entorno e o mar logo ali do lado.    Muito interessante.  
     Eu que gosto muito de história, só a Fortaleza de 1596 já valeu o passeio do city tour.

Nenhum comentário:

Postar um comentário