Total de visualizações de página

Translate

Google+ Followers

sexta-feira, 30 de agosto de 2013

TURISMO NOS LENÇOIS MARANHENSES (I)




     Viajamos direto de Natal-RN onde passamos uma semana, para São Luis do Maranhão e um dos objetivos era conhecer os famosos Lençois Maranhenses.       Para visitar os Lençois optamos por um pacote turístico de dois dias, com uma pernoite em Barreirinhas-MA que é o portal dos Lençois.    De São Luis a Barreirinhas são 260 km de asfalto bom, apesar de alguns trechos com muita lombada que na minha região é chamada de quebra-molas.   Isto principalmente perto de Morros, que é um município a 110 km de São Luis e 150 de Barreirinhas.     São quatro horas de Van, com uma parada para lanche em Morros.    Saimos cedo do hotel e fomos almoçar já em Barreirinhas.   Lá pegamos os veículos tipo caminhonete com tração nas quatro rodas, bancos na carroceria coberta com toldo e vamos cortar os areiões por uns 30 a 40 km, com uma balsa no percurso, para chegar aos Lençois.   É um conjunto imenso (deu para ver do avião) de dunas de areia e entre elas, nas águas se formam lagoas com água de chuva.  Água doce limpa e cristalina.    Dá para se banhar à vontade e em segurança.   
     Os Lençois ocupam uma área de 155.000 ha e me parece que abrange parte de três municípios da região.   Consta que chega a ter mais de mil lagoas no tempo das águas.    O povo local diz que lá é o único deserto em que a pessoa não morre de sede.
     O lugar é de deixar o turista de queixo caido de tão lindo que é.   Recebe turistas do Brasil e do mundo, que ouve falar e vai lá conferir.  Como vale a pena!
     Vale dizer que por questão de preservação ambiental os veículos que levam os turistas aos Lençois, deixam-nos à margem destes e o turista faz os passeios à pé, seguindo o guia e assim sendo aproveita os melhores lugares e mais seguros para apreciar a paisagem.    Fomos lá na parte da tarde e nesse caso é praxe se esperar o Por do Sol nas dunas.   No caso dos casais - novos ou nem tanto - voltam à condição de namorados, sentados na areia, contemplando um por de sol num capricho da natureza como é o local.   Não dá para esquecer jamais.

     No segundo capítulo vou abordar o Passeio pelo Rio Preguiça, que também parte de Barreirinhas e que no nosso caso foi feito no outro dia pela manhã.   Esse passeio é de barco (a voadeira) e também é muito lindo.   Vejamos no próximo capítulo.

                 orlando_lisboa@terra.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário